Início > Informações sobre o meu carro

Informações sobre o meu carro

Ajuda e conselhos para os condutores

Graças à tecnologia digital e aos smartphones, a Arval está mais perto de si do que nunca. Nós não estamos apenas ao seu lado; o melhor apoio para o seu carro está literalmente nas palmas das suas mãos

Arval Mobile + / Meu Arval

Vamos encarar a realidade: você nunca deixa o seu smartphone. Então, para lhe facilitar a vida, desenvolvemos o Arval Mobile +, uma aplicação de smartphone baseada na web. Isso significa que tem na sua mão todos os documentos de registo e de seguros essenciais para o seu veículo, assim como os detalhes do seu contrato. Melhor ainda, está a apenas um clique de entrar em contacto com o seu gestor de contas da Arval.

 

Devolução / comprar o seu carro de aluguer

Três meses antes de o seu contrato de aluguer expirar, poderá solicitar apoio da Arval sobre como devolver o seu carro de aluguer, através do 707 223 223. O veículo deve estar limpo por dentro e por fora quando o devolver, e todos os acessórios e equipamentos incluídos no contrato de aluguer, bem como, toda a documentação da viatura devem ser devolvidos. Ao recebermos o seu carro será feita uma peritagem para avaliar qualquer dano causado ao seu carro e informá-lo.

No entanto, também tem a opção de comprar o seu carro de aluguer. Até 4 semanas antes do final do seu contrato de aluguer, iremos informá-lo sobre o preço de compra do veículo. Pode comprá-lo para o seu próprio uso ou em nome de familiares ou amigos.

Também revendemos carros de aluguer usados que estão em boas condições e temos como ajuda-lo a financiar a compra do seu carro.

 



Dicas para uma condução segura e económica
Queremos que as pessoas que usam os nossos carros conduzam com segurança, e queremos que a sua frota opere de forma económica. Aqui estão algumas dicas que, esperamos, venham a ajudar.

Os seus condutores, provavelmente, passam muitas horas por semana ao volante. A Arval esforça-se por fornecer carros que ofereçam o melhor desempenho, incluindo excelência em segurança. Mas as viagens só serão seguras e económicas se os condutores seguirem estas dicas de condução.

Separadores verticais

Litros de gasolina para um veículo a GPL
  • Não conduza um veículo GPL até que o tanque esteja quase vazio pois isso pode causar falhas.
  • O arranque do veículo é realizado com gasolina. Portanto, não precisa de conduzir o carro no modo de gasolina para manter o sistema de alimentação a gasolina em boas condições. Mas certifique-se que tem sempre, pelo menos, 10 litros de gasolina no tanque.
  • Um tanque de gasolina NÃO é um complemento do tanque GPL para que o carro percorra maiores distâncias sem precisar de parar para abastecer.
  • O consumo normal de combustível é um tanque de gasolina para cada 40 tanques de GPL.
Consumo de combustível

Verifique a pressão dos pneus regularmente (pelo menos uma vez por mês). Faça isso com os pneus frios.

  • Realize a manutenção de forma periódica (de acordo com as instruções do fabricante).
  • Não ligue o motor quando o veículo estiver parado. Conduza lentamente logo após ligar o motor.
  • Evite a rotação excessiva numa mudança baixa.
  • Passe rapidamente para uma mudança superior.
  • Acelere com calma e mantenha-se alerta.
  • Não conduza desnecessariamente com um porta-bagagens ou com carga no teto.
  • Não conduza desnecessariamente com o ar condicionado ligado.
  • Desligue os equipamentos que consomem muita energia quando não precisar deles (como o aquecimento da janela traseira).
Segurança na Condução
  • Verifique regularmente a pressão dos pneus. Pneus com pressão insuficiente têm menos aderência. Isso resulta numa travagem com mais metros percorridos e num aumento do risco de derrapagem. Além disso, economiza consideravelmente em combustível se os seus pneus estiverem com a pressão correta. 
  • Planear o seu itinerário antes de partir ajuda a evitar que concentre toda a sua atenção em encontrar a rota certa, assim, prestará mais atenção ao trânsito à sua volta. 
  • Evite conversar ao telefone no seu carro. Fazer chamadas com o módulo mãos-livres também é perigoso: quando fala ao telefone presta menos atenção ao trânsito à sua volta. 
  • Mantenha uma distância segura ao veículo a sua frente. Isto permite-lhe, por exemplo, reagir rapidamente se o carro da frente travar subitamente. Para saber qual a distância correta, siga a regra dos dois segundos. 
  • Ajuste o seu estilo de condução às condições climatéricas. Quando a visibilidade for reduzida, reduza a sua velocidade e duplique a distância ao veículo na sua frente. Não trave bruscamente, reduza a sua velocidade gradualmente. Permaneça na faixa interna tanto quanto possível. Numa emergência, pode avançar para a faixa de emergência ou para a berma.
  • Não coloque itens soltos (guarda-chuva, mapas, garrafas de refrigerantes, etc.) na prateleira traseira. Se houver uma colisão ou o condutor travar de repente, itens aparentemente inofensivos podem ser projetados com tanta força que podem causar ferimentos graves. 
  • Use sempre o cinto de segurança. Muitos condutores admitem que ainda conduzem regularmente sem cinto de segurança. Usar um cinto de segurança garante que permanece no seu assento no caso de uma colisão e limita o risco de lesões. 
Condução amiga do ambiente

A condução amiga do ambiente implica uma abordagem diferente em relação à condução que se concentra na utilização eficiente do veículo. Ao longo dos anos, a tecnologia automóvel progrediu consideravelmente, e, como resultado, os condutores precisam de adotar um estilo de condução diferente. Para garantir que lida com o seu carro de forma responsável, a Arval recomenda que conduza de acordo com os princípios da condução amiga do ambiente. Estas recomendações de condução irão permitir-lhe economizar até 10% em combustível, beneficiando o meio ambiente e reduzindo os custos para o empregador.

  • Mude para uma mudança maior o mais rapidamente possível: entre 2000 e 2500 rpm. Isto aplica-se aos motores a gasolina, a diesel e a GPL. 
  • Se verificar que precisa diminuir a velocidade ou parar ao aproximar-se de um sinal de trânsito, solte o acelerador e deixe o carro rolar, sem trocar de mudança,
  • Na medida do possível, mantenha uma velocidade constante e tente alcançar um nível de rpm baixo na mudança mais alta possível. Em condições ideais, conduza a 80 km/h em quinta.
  • Não esqueça de verificar a pressão dos pneus uma vez por mês. 
  • Olhe para o mais longe que puder e antecipe o movimento do trânsito.
  • Desligue o motor quando estiver à espera numa ponte aberta ou numa travessia ferroviária, preso num engarrafamento, à espera da chegada de um passageiro, etc. Torne a ligar o motor sem pressionar o acelerador.
  • Sempre que possível, utilize os equipamentos disponíveis no carro, como o conta-rotações, cruise control, e computador de bordo.
  • Além do modelo do seu carro e do seu estilo de condução, vários outros fatores também determinam o consumo de combustível: a sua velocidade, o uso de equipamentos, resistência aerodinâmica e o peso do veículo. Tente ter consciência destes fatores que aumentam o consumo.

 

Desgaste dos pneus
  • Verifique a pressão dos pneus regularmente (pelo menos uma vez por mês). Faça isso com os pneus frios.
  • Realize a manutenção de forma periódica (de acordo com as instruções do fabricante).
  • Acelere com calma e mantenha-se alerta.
  • Trave calmamente e com tempo suficiente antes de fazer uma curva.
  • Evite colidir contra os lancis e obstáculos semelhantes. Um dano invisível pode fazer um pneu estourar mais tarde. Bater em obstáculos pode afetar o alinhamento das rodas. Isto afetará negativamente o comportamento do veículo na estrada e é provável que resulte num desgaste prematuro dos pneus.
  • Ao sair e entrar em espaços de estacionamento, não vire o volante enquanto o veículo estiver parado.